27 de fevereiro de 2014

Resenha: Mil dias em Veneza


    


      Depois de "Sob o Sol da Toscana", a saga de livros sobre a Itália continua, e como eu disse na última resenha, comecei a ler "Mil dias em Veneza" de Marlena de Blasi.
       Este Livro conta a história real de amor da autora. Ela é americana, morava em Saint Louis nos Estados Unidos, é chef de cozinha e dona de um caffé. Começou a viajar para Veneza todos os anos e sempre tinha a sensação de que ia para um encontro.
       Algo inesperado aconteceu. Um veneziano, para ela um estranho, se apaixonou à primeira vista por ela um ano antes da sua ultima visita à cidade.
      De volta a Veneza, Marlena em um almoço em um restaurante com amigos, é abordada pelo garçom que disse que ela tinha uma ligação. Era Fernando, o estranho, querendo marcar um encontro e ela diz não. Depois de algumas tentativas, e outros dias no mesmo local, Fernando consegue o tão esperado encontro e tem a certeza que foi o destino que fez cruzar essas duas vidas. Aos poucos Marlena não tirava Fernando de seus pensamentos e se deu conta de que estava apaixonada também. A partir daí a vida dos dois mudam drasticamente. Marlena se muda para Veneza e Fernando começa a pensar na vida de forma muito diferente.
      A história é romântica e faz com que o leitor se derreta a cada página virada. O livro é uma mistura da magia dos relatos da cidade mais romântica do mundo,  com a paixão de Marlena pela culinária, as mudanças internas de Fernando, o amor dos dois, e as dificuldades de uma americana que se muda de país e vê pela frente a vida recomeçar encontrando pelo caminho formas de se adaptar em um lugar estranho, em uma casa estranha, e com um homem, que ela não deixou o hábito de chamar de estranho também.
      Marlena mostra a sua coragem por tudo o que enfrentou, e mostrou ser uma mulher dona de si, madura, sabendo o que quer, e o mais importante, sem medo de ser feliz e vivendo o que sentia.
    No final do livro, tem as próximas páginas do livro "Mil dias na Toscana", uma continuação dessa história de amor e que eu já comecei a ler (hehehe).




Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário! ;)